miércoles, 18 de febrero de 2015

Documentário sobre democracia corintiana vence prêmio de cinema na Espanha


O documentário brasileiro "Democracia em preto e branco", que retrata a história do Corinthians de Sócrates e Casagrande, recebeu o prêmio "Thinking Football Film Festival 2015", uma mostra que discute o papel do futebol na sociedade, organizada pela Fundação Athletic Bilbao, clube da primeira divisão da Espanha.

Dirigido por Pedro Asbeg, o filme relembra o período da democracia corintiana, movimento do início da década de 1980 que teve Sócrates como principal expoente e acabou contribuindo para o processo de fim da ditadura militar instalada no país desde 1964.

O prêmio, concedido através de votação entre o público presente ao evento, inclui uma escultura do artista Ángel Garraza e 2 mil euros, "que terão que ser doados pelo diretor a um projeto social que utilize o futebol em seu desenvolvimento".

A terceira edição do "Thinking Football Film Festival" foi realizada entre os dias 9 e 15 de fevereiro em Bilbao. Foram reproduzidos dez longas-metragens do Brasil, França, Alemanha, Estados Unidos, Polônia e Reino Unido que abordam temas como "o papel social e político do jogador e dos clubes, o futebol como articulador da inclusão social ou a utilização do futebol por parte das autoridades políticas".

Espn/EFE